Conselho identifica potencialidades para fomentar turismo no município

ARROIO DO MEIO

Conselho identifica potencialidades para fomentar turismo no município

Grupo prepara projeto de embelezamento da cidade em parceria com o poder público

Por

Conselho identifica potencialidades para fomentar turismo no município
Igreja de Pedra é um dos atrativos às margens da VRS-811, em Forqueta. Crédito: Divulgação
Arroio do Meio
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Elaborar um levantamento técnico sobre os pontos turísticos e as potencialidades a serem exploradas, preparar um projeto de embelezamento da cidade em parceria com o poder público, comunidade e criar uma dotação orçamentária específica para o turismo. Estas são algumas ações que norteiam o trabalho do Conselho Municipal.

O Comtur é presidido pelo empresário do setor imobiliário e turístico, Joner Frederico Kern. Ele assumiu o cargo em junho deste ano, no lugar de Vivian Cristina Horst.

O grupo já esteve reunido com a administração municipal e demais integrantes na última semana com o objetivo de divulgar as atribuições do conselho e buscar a captação de recursos para o setor.

Uma das sugestões é a criação de uma dotação orçamentária exclusiva ao turismo, vinculada à Secretaria Municipal de Industria, Comércio e Turismo. Outra ação é liderar um levantamento relacionado aos pontos turístico existentes e um diagnóstico das potencialidades a serem exploradas com o passar dos anos.

Além de Kern, integram o conselho representantes da comunidade e de entidades como a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Arroio do Meio), Acisam, o roteiro turístico Vales e Arroios e Caminhos da Forqueta, além do poder público. As reuniões ocorrem a cada duas semanas.

Para Kern, o conselho dentro do município tem a missão de liderar a tomada de decisões no setor em curto e médio prazo. “Precisamos estar próximos da comunidade, empreendedores, ouvir e atuar para fortalecer este setor”, destaca.

Outra ação do Comtur é o projeto de embelezamento de locais públicos, executando uma parceria entre comunidade, empresários e poder público. Uma das ideias é valorizar a planta-símbolo da cidade, o Hibisco, e fomentar o termo Pérola do Vale.

A intenção é fazer o plantio de mudas em rotas turísticas, às margens das rodovias VRS-811 e ERS-482, e na rota até o Cristo Protetor de Encantado.

 

 

 

 

 


Acompanhe nossas redes sociais: WhatsAppInstagram / Facebook