“O fim de semana não é mais nosso momento de lazer”, diz gestor de desenvolvimento

ENCANTADO

“O fim de semana não é mais nosso momento de lazer”, diz gestor de desenvolvimento

Município apresentou lei de liberdade econômica em incentivo ao desenvolvimento empresarial

Por

“O fim de semana não é mais nosso momento de lazer”, diz gestor de desenvolvimento
Jonas Calvi e Eder Tomasini Boaro (Foto: Rodrigo Gallas)
Encantado
Gustavo Adolfo 03

Encantado apresentou nesta semana mais uma ação para desenvolver o turismo. Embalado pelo Cristo Protetor, o Projeto de Liberdade Econômica prevê o trabalho aos fins de semana e permite empresas de baixo risco iniciarem atividades sem a necessidade da emissão de alvará.

LEIA MAIS: Proposta visa facilitar abertura de empresas

Conforme o prefeito Jonas Calvi e o gestor de Desenvolvimento, Eder Boaro, em entrevista ao programa Frente e Verso, da Rádio A Hora 102.9, a liberdade econômica é definida como a autonomia que cidadãos de uma sociedade possuem para criar atividades, trabalhar, ter reservas e investir, sem a interferência de impostos, contratos ou burocracia. O texto é inspirado em lei federal aprovada e sancionada em 2019.

Boaro observa que o Código de Posturas de Encantado já prevê o trabalho aos fins de semana. “Está convencionado em acordo o pagamento diferenciado. Mas o projeto vem para corroborar tal premissa. Teremos uma área de serviços, de comércio e de indústria que não terá mais o privilégio do fim de semana.”

Ouça a entrevista na íntegra


Acompanhe nossas redes sociais: WhatsApp Instagram / Facebook

Acompanhe
nossas
redes sociais