EmpreInove instiga líderes  ao novo modelo de negócios

Negócios

EmpreInove instiga líderes ao novo modelo de negócios

Evento de empreendedorismo e inovação inspira e prepara executivos para o futuro das organizações

Por

EmpreInove instiga líderes  ao novo modelo de negócios
Primeira edição do fórum estadual ocorreu em 2019 e reuniu mais de 400 empresários e líderes regionais (Foto: Arquivo)
Vale do Taquari
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Estimular e aprimorar as habilidades nos negócios são propósitos da segunda edição do Fórum Estadual de Empreendedorismo, Estratégia e Inovação – EmpreInove. O evento reúne empresários, líderes de equipes e profissionais estratégicos para integrar, qualificar e compartilhar experiências.

Criado em 2019, o EmpreInove é organizado pelo Grupo A Hora em parceria com a Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil). Este ano, entre as novidades, a mediação por empresários locais. O evento será em 23 de novembro no Clube Tiro e Caça (CTC), com temas voltados para o empreendedorismo, governança, inovação e agronegócio.

Conforme o diretor executivo do Grupo A Hora, Adair Weiss, este será o primeiro grande evento corporativo presencial desde a pandemia. “É oportunidade de trocar experiências, de reencontro entre os pares para compartilhar e, projetar nossas empresas e negócios daqui para frente. Os principais líderes regionais estarão reunidos neste encontro”, ressalta Weiss.

Além das palestras, o evento terá experiências gastronômicas comandadas pelos chefs Ardhemia Thomas, Augusto Heberle, Conrado Schneider e Arthur Neselo. O espaço gourmet já foi sucesso na edição anterior e gera expectativas nas criações sensoriais.

Os ingressos podem ser obtidos pelo site empreinove2021.eventize.com.br, na sede do Grupo A Hora ou na recepção da Acil. A entrada custa R$ 270 na modalidade avulsa e R$ 230, no combo com mesa para seis pessoas.

Oportunidades

O nível de qualificação do fórum e a troca de experiências são aspectos considerados pelo presidente da Acil, Cristian Bergesch. “Temos a expectativa que o evento se torne tradicional e atraia mais pessoas de fora da região. É uma grande oportunidade ao público empresarial, qualifica e proporciona integração”, pontua.

Bergesch lembra que Lajeado é o terceiro município do estado que mais atraiu imigrantes em números absolutos entre 2010 e 2020, atrás apenas de Caxias do Sul e Canoas. “Recebemos mais moradores, pois criamos oportunidades aqui. Já não há mais grandes áreas para expansão e nem mão de obra ociosa”, observa.

Ainda de acordo com o presidente da Acil, Lajeado está em um novo movimento, empresas precisam se aprimorar no aspecto tecnológico e da inovação para agregar valor.