“Rachadinha” é crime!

Opinião

Rodrigo Martini

Rodrigo Martini

Jornalista

Coluna aborda os bastidores da política regional e discussão de temas polêmicos

“Rachadinha” é crime!

Por

Lajeado
CRON - Lateral vertical - Final vertical

O Ministério Público de Santa Cruz do Sul dá exemplo ao Estado (e ao Vale). A Operação Feudalismo, que ataca os crimes de “rachadinha”, prossegue. Na semana passada, o MP ajuizou ação civil pública (ACP) por atos de improbidade administrativa contra o ex-vereador Paulo Henrique Lersch, a mãe dele e um ex-assessor parlamentar por concussão. O ex-vereador e a mãe também foram denunciados por lavagem de dinheiro. Conforme investigação, Lersch exigia mensalmente parte do salário de nove pessoas indicadas por ele para cargos públicos entre 2013 e 2019. Os outros dois denunciados, segundo o MP, participavam do esquema arrecadando e cobrando os valores.

Histeria na ONU

Uma barulhenta turma ficou escandalizada com a pizza na calçada e segue tentando monopolizar as narrativas, instigada por um lado obscuro da “grande mídia” nacional e internacional. Aliás, parte dessa turma segue “passando pano” para políticos (e ex-presidiários) que se lambuzam com caviar e vinho importado. Enfim, e afora essa histeria enfastiante e a lamentável falta de vacinação (que não era uma obrigação por parte da ONU) do nosso presidente, a participação de Jair Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU foi bem tranquila. E qualquer analista relativamente informado entendeu muito bem que o pronunciamento foi focado no que o Brasil precisa hoje: garantir segurança aos grandes fundos investidores internacionais para garantir, também, recursos externos para a brutal infraestrutura que está sendo implantada no país. O resto é armazém de secos e molhados.

Pro_Move e o varejo

(Foto: Divulgação)

O movimento Pro_Move Lajeado avança para formatar mais um eixo estratégico. Após a definição das três primeiras áreas de atuação (setor de Alimentos, setor da Saúde e setores de Tecnologia da Informação e Comunicação e Tecnologia de Automação), o grupo que compõe a quádrupla hélice vai instigar e fomentar o setor do varejo local. Para isso, três encontros presenciais devem ocorrer ainda em 2021 para desenhar o diagnóstico varejista na cidade. E o primeiro encontro está agendado para o dia 21 de outubro, entre 8h e 12h, no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

Surpresa em Estrela

(Foto: Divulgação)

Secretário de Desenvolvimento, Inovação e Sustentabilidade de Estrela, Rodrigo Kich (direita na foto) será exonerado pelo prefeito municipal, Elmar Schneider (PTB). Kich assumiu a pasta em abril, após a morte do ex-secretário, Verno Arend. Antes disso, ele atuou como Secretário da Fazenda do atual governo, tendo sido, inclusive, o primeiro nome anunciado pelo gestor público, ainda em novembro de 2020. Sobre a sua repentina saída da administração municipal, Kich demonstra surpresa e afirma que não queria deixar o cargo.

Surpresa em Estrela II

Kich é casado com a presidente da Cacis e foi comunicado na manhã de terça-feira sobre a decisão pelo próprio Elmar Schneider. Nos bastidores, a intenção do prefeito é “pacificar” a saída repentina do secretário. Inclusive, com a narrativa de que o desligamento partiu do próprio Kich. Mas, não é nada disto. O contador não solicitou exoneração. Ontem à tarde, eles voltaram a conversar sobre o tema e, por ora, não há informações sobre o substituto. Especula-se que, diferentemente de Kich, será alguém ligado a partido político.

Surpresa em Estrela III

Elmar Schneider também parece insatisfeito com a falta de mobilização de alguns Cargos Comissionados, inclusive do alto escalão, que não estariam comprometidos com os eventos realizados ou apoiados pelo poder público. A gota d´água teria sido a Semana Farroupilha, que não foi prestigiada por muitos servidores da administração municipal. E as queixas também estão relacionadas com a falta de compartilhamento (nas redes sociais) das ações do Executivo, e também com a falta de ações na área do Meio Ambiente.

Nova hidrelétrica

A Fepam anuncia para 11 de novembro, às 19h, a Audiência Pública (na modalidade remota) para expor o Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e o Relatório de Impacto Ambiental (RIMA) referentes à instalação da Pequena Central Hidrelétrica Vale do Leite, o empreendimento da Certel que será construído entre as cidades de Pouso Novo e Coqueiro Baixo. O investimento é de R$ 45 milhões.

Unianálises no Mato Grosso

A Univates inaugura no dia 8 de outubro uma planta laboratorial de prestação de serviços às empresas e à comunidade de Nova Mutum (MT) que replica, em grande parte, a planta dos laboratórios do Unianálises. Além disso, a universidade deve abrir um espaço físico para oferecer cursos de graduação, técnicos, e sede do polo EAD na cidade.

Sanidade animal

Em Encantado, o governo municipal protocolou na Câmara de Vereadores o projeto de lei que institui o “Programa de Acompanhamento Genético e Sanitário do Rebanho Bovino e Suíno do Município de Encantado”.

PSB em Lajeado

O PSB de Lajeado realiza o Congresso Municipal no próximo dia 24. O evento ocorre no Plenário da Câmara de Vereadores.

Caravana do MDB

Inicia por Erechim, amanhã, a série “Caminhos do Rio Grande”, uma iniciativa MDB e Fundação Ulysses Guimarães que percorrerá sete macrorregionais do Estado para estimular um amplo debate com dirigentes e base partidária. Será a base para a definição do plano de governo e do candidato a governador em 2022. Por ora, os nomes de José Sartori, Gabriel Souza e Alceu Moreira são os mais cotados. No Vale do Taquari, o evento está agendado para o dia 15 de outubro, em Estrela.