Os dilemas de Ramírez

opinião

Caetano Pretto

Caetano Pretto

Jornalista

Colunista esportivo.

Os dilemas de Ramírez

Por

Vale do Taquari
Tudo na Hora - Lateral vertical - Final vertical

O Inter tem em mente um projeto de longo prazo com Miguel Ángel Ramírez. As movimentações, principalmente de bastidores, provam isso. O problema é que é impossível desvencilhar o presente do futuro.

Nem a diretoria mais aberta do mundo pode segurar um técnico quando ele entra em descrédito com boa parte da torcida e, principalmente, da imprensa. Por isso Ramírez tem repensado algumas de suas decisões.

O técnico acredita em seu trabalho, estilo de jogo e mentalidade. Mas ao que tudo indica, está abrindo mão de algumas convicções no momento para poder ter um futuro no clube. Depois de perder para Deportivo Táchira e Grêmio, a partida de hoje e o próximo Gre-Nal viraram finais de Copa do Mundo para o Inter. E para Ramírez.

Mesmo que contra vontade, o técnico espanhol deve fazer mudanças no time para a noite de hoje. Aparentemente, embora eu discorde, a prioridade é o clássico do próximo domingo. Ramírez precisa dar o braço a torcer em maio para poder estar no Inter em junho e no restante da temporada.

11 atletas relacionados e meio-campista no gol

A situação vivida pelo River Plate na Libertadores é daquelas que imaginávamos nunca ver. Podendo inscrever 50 atletas na competição, a equipe argentina optou por inscrever apenas 32 e teve um surto de covid-19. Isso fez com que o time de Marcelo Gallardo entrasse em campo ontem com apenas 11 jogadores. Sem goleiro, quem foi para a meta foi o meio-campista Enzo Pérez.