O Cristo Protetor

opinião

Rodrigo Martini

Rodrigo Martini

Jornalista

Coluna aborda os bastidores da política regional e discussão de temas polêmicos

O Cristo Protetor

Por

Vale do Taquari
Imec - Lateral vertical - Final vertical

O fim de semana foi um divisor de águas na história da cidade de Encantado. O principal município da região alta do Vale do Taquari virou notícia mundial. A instalação dos braços e da cabeça do Cristo Protetor, no alto do Morro das Antenas, materializou o sonho de muitos encantadenses e encantou o Rio Grande do Sul, o Brasil e o mundo. Os responsáveis pela magnífica obra estão sendo procurados pelos mais importantes canais de comunicação do planeta. E isso é apenas o início.

O Cristo Protetor II

Adroaldo Conzatti, ex-prefeito da cidade, morreu antes de ver toda essa repercussão mundial. Mas eu tenho a certeza de que ele, e somente ele, não ficaria surpreso com as dimensões alcançadas até o momento. Conzatti sabia, desde o início, o tamanho do impacto que a maior estátua do Cristo na América causaria em todos os continentes. E essa autoestima compartilhada pelo eterno prefeito de Encantado fez toda a diferença. Que sirva de exemplo para outros gestores e comunidades.

O Cristo Protetor III

No domingo passado, o guarda que controla o acesso ao canteiro de obras tentou contar o número de visitantes. “Quando chegou em102 carros, ele parou de contar”, informa o atual prefeito de Encantado, Jonas Calvi (PTB). E isso é apenas o início, reforço. Outro reflexo imediato é a valorização dos terrenos mais próximos ao Cristo Protetor. Em alguns casos, avisam os mais entendidos, os preços de algumas áreas já triplicaram desde o início do projeto.

O Cristo Protetor IV

O domingo marcou a conversa virtual entre Calvi e o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM). “Construir estátua maior é moleza, quero ver é ter essa vista”, escreveu o gestor, em referência às alturas (o Cristo de Encantado terá 43 metros, cinco a mais em relação ao Cristo do RJ). Ora, são duas histórias que se completam. Localizado a 709 metros acima do nível do mar, o Cristo Redentor completa 90 anos em outubro. Já o Cristo Protetor deve ser inaugurado em dezembro.

O Cristo Protetor V

Calvi tirou “de letra” a provocação do prefeito carioca. “Sem discussão. O Rio de janeiro continua lindo e o mundo inteiro já conhece. Agora venham todos conhecer o Cristo Protetor de Encantado e as belezas do Vale do

Taquari, conhecer nossa cultura e saborear nossa culinária maravilhosa. Vamos adorar receber todos vocês”, escreveu em sua conta particular do Instagram. Ele “marcou” o gestor carioca, que respondeu. “Pode me chamar para a inauguração”. Aplausos para ambos!

O Cristo Protetor VI

A notícia, claro, gerou algumas polêmicas nas redes sociais. Muitos internautas pareciam desconhecer a origem do projeto, que iniciou antes da pandemia e com recursos exclusivos da iniciativa privada. Muitos cobravam investimentos em saúde e educação, em detrimento aos milhões necessários ao Cristo Protetor. Teve até internauta questionando o corte de árvores no topo do Morro das Antenas. Nada de novo no front. Afinal, se nem Jesus agradou a todos…

Herói?

O governador Eduardo Leite briga para liberar as aulas presenciais após o governo do mesmo Eduardo Leite proibir aulas presenciais durante quase um ano. Em meio à pré-campanha presidencial, o chefe do Executivo estadual utiliza o mesmo discurso utilizado insistentemente pelos prefeitos que tanto brigaram contra o governo estadual em 2020. “O desenvolvimento cognitivo, emocional e de forma integral delas depende dos estímulos que recebem na primeira infância e nas séries iniciais. Além disso, como boa parte da economia está retornando, pais e mães precisam ter um local seguro para deixar seus filhos, e as escolas são o espaço mais apropriado para isso”, avisa.

R$ 2,7 milhões contra a covid-19

Desde o início da pandemia, o governo de Estrela já empenhou e gastou R$ 2,7 milhões especificamente no combate ao coronavírus. Os dados estão no site do município, em um link destinado exclusivamente aos gastos com a covid-19. Três empresas dividiram a maior fatia do bolo. Deste montante milionário, cerca de R$ 1,5 milhão foi repassado ao Hospital Estrela. A segunda empresa que mais recebeu recursos foi a Medical San, com R$ 640,8 mil. Por fim, o Pronto Atendimento Ambulatorial Pro Vale PA+ recebeu, com outros R$ 420 mil.

Amturvales

Amanhã, às 10h30min, ocorre uma reunião virtual entre a direção da Amturvales e membros da Secretaria Nacional de Turismo. O encontro foi intermediado pelo assessor parlamentar Felipe Diehl, e deve reunir o Secretário Especial da Cultura, Mário Frias, e o presidente da Amturvales, Leandro Arenhart. Na pauta, a liberação de projetos de incentivo à cultura e ao turismo.

Festa clandestina

Em Teutônia, vereadores devem pedir ao Executivo explicações sobre a exoneração de uma funcionária pública flagrada em uma festa clandestina. O caso ocorreu no fim de semana retrasado.