Certel adquire novo transformador e garante ampliação de energia

INVESTIMENTO DE R$ 2 MILHÕES

Certel adquire novo transformador e garante ampliação de energia

O objetivo é atender a perspectiva de crescimento de consumo que há na região de Teutônia

Por

Certel adquire novo transformador e garante ampliação de energia
Novo transformador será instalado neste mês (Foto: Divulgação)
Teutônia
Imec - Lateral vertical - Final vertical

Um novo transformador, com 26,6 megavolts-ampère (MVA) de potência, foi adquirido pela Certel para ampliar a qualidade do fornecimento de energia elétrica da região. Ele será instalado este mês na Subestação de Teutônia, substituindo o transformador de 23 MVA que há no local.

O objetivo é atender a perspectiva de crescimento de consumo que há na região de Teutônia, especificamente, nos bairros Alesgut, Canabarro, Teutônia, Centro Administrativo e Boa Vista, além das localidades de Linha Germano, Linha Catarina, Linha Capivara, Travessão e de uma parte do município de Poço das Antas.

Segundo o diretor de operação e manutenção, Daniel Luis Sechi, a Subestação de Teutônia se encontra próxima de um limite operacional de carga. “Com este investimento, da ordem de R$ 2 milhões, e alinhados à proposta da Certel de melhoria contínua, estamos trocando esse transformador para que a subestação possa suprir energia de qualidade e confiabilidade para os próximos dez anos”, observa o engenheiro eletricista.

“Assim, a cooperativa estará preparada para atender a novas solicitações de consumo, ao aumento de redes trifásicas e modernização do setor agropecuário, bem como às demais demandas necessárias”, acrescenta.

Nova subestação

O transformador que será substituído passará por uma reforma e integrará a futura Subestação de Forquetinha, cujas obras de construção devem iniciar ainda este ano.

“Com capacidade técnica de ampliação da potência de 23 MVA para 26,6 MVA, este transformador será fundamental para beneficiar esta região, integrada também pelos municípios de Sério, Marques de Souza, Travesseiro, Capitão e Arroio do Meio”, assinala Sechi, destacando que esta nova subestação possibilitará um alívio e maior capacidade para a Subestação de Lajeado.