Secretaria de Educação começa a trabalhar para retorno das aulas em Estrela

Educação

Secretaria de Educação começa a trabalhar para retorno das aulas em Estrela

Elisângela Mendes participou do programa Frente e Verso, da Rádio A Hora 102.9, na manhã desta segunda-feira, 11, e destacou sobre o planejamento para o ano letivo e demais projetos para a área da educação

Por

Atualizado segunda-feira,
11 de Janeiro de 2021 às 18:47

Secretaria de Educação começa a trabalhar para retorno das aulas em Estrela
(Foto: Ana Carolina Becker)
Estrela

A Secretaria de Educação de Estrela agendou para 8 de fevereiro o retorno das aulas da rede municipal da educação infantil e para 22 de fevereiro o ensino fundamental. A informação foi confirmada pela secretária, Elisângela Mendes, durante entrevista ao programa Frente e Verso, da Rádio A Hora 102.9, na manhã desta segunda-feira, 11.

Reuniões devem ser realizadas ao longo desta semana para a definição de como esse retorno das aulas ocorrerá. “Depende das orientações e dos protocolos estabelecidos pelo governo. Ainda não há liberação de 100%, a partir disso, organizaremos dinâmica de retorno”, ressalta. Ne rede municipal, são 3,5 mil estudantes.

Com a pandemia e os rastros deixados, percebe-se no município um aumento na procura por vagas na rede municipal. “Na Educação Infantil tivemos procura por matrículas novas, desta já conseguimos alocar 150 novas crianças e ainda há na lista de espera cerca de 60 crianças.”

Principais metas na área da educação

De acordo com Elisângela, uma das principais bandeiras é a qualificação dos profissionais da educação. “Vamos proporcionar formações ao longo do ano letivo em diversos momentos, tanto para professores, quanto servidores, monitores, de modo a melhorar o serviço prestado na ponta”, garante.

Outra importante área que deverá ser trabalhada é a educação inclusiva, já que o município apresenta uma demanda significativa na área. “Algumas escolas já tem implantada a Sala de Recursos, mas como temos demanda, vamos reestruturar esse atendimento estabelecendo uma parceria para que nossas crianças tenham o melhor.”

Demandas da Aprome

Elisângela foi escolhida através de votação entre professores e servidores da rede municipal de Estrela. Até o momento, ela ocupava a presidência da Associação dos Professores Municipais de Estrela (Aprome) com o nome escolhido para a pasta, quem assume a presidência é Núbia Hamester.

Entre as demandas da Aprome, Elisângela destaca, mais uma vez, a formação dos professores. “Tem os muitos desafios em questões estruturais e obras que precisamos concluir”, pontua. Além disso, a meta também é oferecer uma qualificação profissional aos estudantes de final do ensino fundamental.

Há ainda um projeto para implantação de uma nova escola em Nova Morada.

Confira a entrevista na íntegra