opinião

Rodrigo Martini

Rodrigo Martini

Jornalista

Coluna aborda os bastidores da política regional e discussão de temas polêmicos

Candidaturas indeferidas

Por

Lajeado

Em Lajeado, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) registra seis candidaturas a vereador (a) indeferidas até o presente no momento. Ainda cabe recursos. Duas são do PSB, duas do Partido Podemos, e outras duas do PSL. Entre os seis registros, quatro são de candidatas mulheres. Em Estrela, apenas uma candidatura foi indeferida até o momento, e pertence a um candidato do Podemos. Já em Taquari, a justiça indeferiu o registro de quatro candidatos. Eles pertencem ao PP, PT, PSL e PSB. Em Arroio do Meio, Encantado e Teutônia a imensa maioria dos casos ainda está sob julgamento.


Frente a frente

Paulo Argeu Fernandes (PDT) foi o primeiro candidato a prefeito de Estrela a ser “sabatinado” no programa Frente e Verso. Foi uma conversa que nos remeteu à velha política. Não no sentido pejorativo. Mas, sim, no sentido de se tratar de um político que já completou quatro décadas em um mesmo partido, e que parece se manter fiel aos ideais do principal maestro da sigla, o saudoso Leonel de Moura Brizola, o “Velho Caudilho”.


Frente a frente II

Fernandes usou e abusou das frases de efeito. Disse que tem candidato “comendo nos dois cochos”, se referindo a quem continua exercendo cargo na prefeitura. E provocou os adversários. Afirmou e reafirmou que ele é a “verdadeira oposição”, e que apenas ele estaria “botando o dedo na ferida” da administração municipal. E foi além. Para o pedetista com espírito brizolista, a cidade anda “crescendo igual rabo de cavalo: para baixo”.


Testes em Lajeado

Recentemente, o Governo de Lajeado gastou R$ 174,2 mil em testes sorológicos IGG e IGM para covid-19. A Universidade do Vale do Taquari (Univates) foi contratada para disponibilizar 1,3 mil testes aos professores e monitores da rede municipal de ensino, a um valor unitário de R$ 134.


Adroaldo no jogo

A Justiça Eleitoral de Encantado indeferiu as impugnações contra a candidatura de Adroaldo Conzatti (PSDB), e autorizou o atual prefeito a buscar sua reeleição. As ações contra ele foram propostas pelo MP e pela Coligação Juntos Somos Mais Fortes, em face de uma condenação em segunda instância.


Candidato deixa a UTI

O candidato a vice-prefeito Paulo Finck (PP) deixou a UTI do Hospital de Estrela. Ele foi levado para o quarto na manhã de sexta-feira, após quase uma semana na unidade de tratamento intensivo em função da covid-19. Finck integra a coligação Para Estrela Continuar Avançando (MDB, PP, PSDB).


Biometria e reeleição

O vereador de Taquari, Clóvis Bavaresco (PP), teve sua candidatura à reeleição barrada pela Justiça Eleitoral em função da não realização da biometria. O julgamento do pedido de impugnação já ocorreu, e o candidato perdeu o prazo para o recurso. Entretanto, o partido busca reverter o quadro junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).


Corrupção na cueca

Eu fico imaginando a imagem do Brasil perante o mundo após a Operação Desvid-19, deflagrada nesta semana pela Polícia Federal (PF). Os policiais investigam desvios superiores a R$ 20 milhões de emendas parlamentares que deveriam servir para o combate à covid-19 em Roraima. Não bastasse isso, um dos investigados, o Senador Chico Rodrigues, do Democratas (DEM), foi flagrado com dinheiro escondido na cueca. Logo ele, que até então era o vice-líder do governo Bolsonaro no Congresso Federal. E ele é do DEM, reforço. Ora, definitivamente a corrupção não acabou.