TAQUARI

Emanuel Hassen é eleito como próximo presidente da Famurs

O prefeito de Taquari foi eleito com 270 votos. Mandato vai até 2021.

Por

Atualizado sexta-feira,
22 de Maio de 2020 às 17:37

Emanuel Hassen é eleito como próximo presidente da Famurs
Estado

A Famurs realizou nesta sexta-feira, dia 22, a eleição para ratificar o nome dos indicados pelos partidos político para integrar a presidência na gestão 2020/2021. Com 270 votos, o prefeito de Taquari, Maneco Hassen, foi oficialmente eleito como próximo presidente da entidade. Na ocasião, foram contabilizados 287 votos, sendo que brancos e nulos somaram 17 pontos. A posse da nova diretoria acontece no dia 8 de julho, em transmissão ao vivo, direto da sede da Famurs.

Maneco substituirá o atual presidente, Dudu Freire (PDT), que é prefeito de Palmeira das Missões.

“Infelizmente, o momento é completamente diferente do início de outras gestões na entidade. A estiagem que castiga o povo gaúcho, e consequentemente os municípios, e a pandemia do coronavírus, que traz consequências econômicas e sociais para todos, exigirá que tais temas tenha prioridade na agenda diária. Não só pelas suas consequências imediatas, mas também pelos reflexos futuros no dia-a-dia dos municípios. Também pretendo fortalecer a parceria da entidade com os órgãos de fiscalização, como Tribunal de Contas e Ministério Público . Também daremos uma atenção especial para a tecnologia e para a Escola Famurs. Esta pandemia escancarou a necessidade de adaptação da escola da Famurs aos novos tempos, com melhor aproveitamento da tecnologia disponível para incluir o maior número de alunos possível. Isto também se dará com a renovação dos temas e com parcerias e convênios com outras instituições reconhecidas sobre o tema gestão pública municipal”, destaca o futuro presidente.

A indicação de Maneco Hassen obedece a um acordo firmado entre os partidos com mais prefeitos no estado. Estabelecido em 2005, o acerto determina o rodízio de legendas na direção da entidade entre 2016 e 2020. Como o PT foi o quarto partido com maior número de prefeitos eleitos no RS em 2016, obteve o direito de escolher o presidente da Famurs em 2020. Antes de Maneco e Dudu Freire, presidiram a Famurs os prefeitos de Garibaldi, Antonio Cettolin, e de Rio dos Índios, Salmos Dias de Oliveira.