Comportamento

Querido 2019…

Aprenda a se organizar para que seus planos e expectativas se concretizem no ano que se aproxima

Por

Querido 2019…

Fazer uma lista de desejos no Ano-Novo é uma tradição comum à maioria das pessoas. E não é para menos, a passagem de ano para muitos simboliza recomeço, um novo fôlego para colocar em prática os projetos de vida. Porém sabemos que, muito além de intenções, são necessários planos bem definidos para que seja viável, mesmo na correria diária, chegar ao fim de 2019 com a satisfação de mais metas cumpridas. Você já se programou?

Ana Laura Munhoz

Primeiros passos

E por falar em planos, um auxílio a quem precisa e quer se organizar é a utilização de agendas, planners e recursos de papelaria. Foi enxergando a necessidade das pessoas em se divertir nessas tarefas mais complexas que a proprietária da Mora Acessórios, Ana Laura Munhoz, 25, resolveu expandir a marca e projetar produtos na área da papelaria, com a Mora Paper, em Lajeado. “Eu sempre fui apaixonada por isso. Desenvolver planners bonitas e materiais que facilitem tanto a minha quanto a vida de mais pessoas foi uma realização muito grande,” comemora.

Com menos de um mês no mercado, alguns itens já fizeram sucesso entre as clientes. “Os blocos planners por enquanto são os preferidos. Permitem que você tenha em sua mesa de trabalho uma visualização geral de cada semana e facilita o cumprimento de tarefas e divisão justa do tempo,” relata.

Adepta desse modelo de organização, a empresária conta que outros blocos como os de check list e planejamento diário complementam a tarefa. “Para muitas pessoas escrever a punho ajuda a ter mais consciência das necessidades de cada setor da vida. Visualizar diariamente as metas da semana na mesa de trabalho nos dá gana para realizar logo as atividades bem como evitar a tão temida procrastinação,” indica.

Henrique Kuhn

6 dicas para arrasar em 2019

De acordo com Henrique Kuhn, diretor Dale Carnegie Vale do Taquari, ter consciência dos próprios comportamentos autodestrutivos pode nos libertar de um ciclo de fracasso e estagnação. “Por isso, devemos reconhecer quais são esses obstáculos e depois trabalhar através deles”. Algumas das barreiras para o desenvolvimento pessoal incluem:

1 – Não confie em metas indefinidas: Estabelecer metas é uma necessidade fundamental para o desenvolvimento pessoal. Uma dica é dividir um objetivo final e várias tarefas menores, distribuídas ao longo das semanas, observando o prazo final. Foco! Se você não focar consistentemente no que quer, acabará criando resultados problemáticos. Sua mente é um mecanismo de busca de metas, portanto, as defina apontando para o que você deseja.

2 – Menos importância à opinião alheia: Como diz Dale Carnegie “Sucesso é conseguir o que você quer, e felicidade é gostar do que você conseguiu”. Pessoas de sucesso não se consomem por críticas. Em vez disso, as veja como uma informação útil que você pode usar para melhorar a si mesmo ou simplesmente o ponto de vista oposto de outra pessoa. Todos nós temos direito a uma opinião.

3 – Não desista cedo demais: Sem dúvida, há momentos em que você precisa deixar ir e seguir em frente. Mas antes de desistir pergunte-se pela última vez se há algo a mais que você pode aprender ou ganhar com essa experiência. Às vezes, as melhores lições são aprendidas por meio de falhas.

4 – Resultados demandam tempo: Esperar por resultados imediatos significa ser impaciente com você e com o seu ambiente, portanto, é uma atitude que coloca você fora de sintonia no processo de desenvolvimento pessoal. Embora todos possamos ter metas que queremos alcançar, os maiores dons muitas vezes surgem durante a jornada para alcançá-los. Como disse Dale Carnegie, “Quanto mais suor derramado em treinamento, menos sangue será derramado em batalha”.

5 – Nunca duvide de si: Essas dúvidas também podem vir de outras pessoas ao seu redor, que podem levá-lo a duvidar de suas verdadeiras habilidades. Quando estiver apreensivo sobre conseguir fazer tudo o que planejou, lembre-se de não ter medo de dar o seu melhor naquilo que parecem ser pequenas tarefas. Cada vez que conquista uma, você fica mais forte. Ao realizar os pequenos trabalhos bem, os grandes tendem a cuidar de si mesmos.

6 – Assuma responsabilidades: Esse é um dos maiores obstáculos ao desenvolvimento pessoal, pois como dizia Dale Carnegie, “Eis a natureza humana em ação, o culpado culpando todos menos a si mesmo”. Estamos condicionados a procurar outros responsáveis por nosso fracasso. Mas, se você ainda não descobriu que é 100% responsável por sua vida, relegou seu poder a outro. Adote a premissa de que você é totalmente responsável por sua própria vida. Isso não significa que seja o culpado sempre que algo não ocorrer bem, mas capacita você a criar sua vida como prefere.

Fernanda Ribeiro Mallmann

Organizadas!

“Uso agenda, post its e canetas para me organizar desde os 12 anos. Isso mudou a maneira como ocupo meu tempo, inclusive conseguindo criar mais momentos para aproveitar as coisas que gosto. Separo sempre alguns minutos da minha sexta-feira para organizar a semana seguinte. Dessa forma, já inicio a segunda-feira sabendo quais tarefas devem ser cumpridas.”

Fernanda Ribeiro Mallmann, 17, estudante

Amanda Spengler

“Depois de utilizar sem sucesso muitos post its e agenda virtual, há dois anos, comecei a usar as agendas, planner e bloco de check list. Para mim é a melhor forma de me organizar e conseguir ter uma visão geral dos meus compromissos do mês, semana e dia. E funcionou super bem, hoje não consigo mais ficar sem minha agenda em cima da mesa de trabalho. Sempre organizo minhas tarefas no domingo, então, já começo a segunda-feira sabendo quais os meus reais compromissos.”

Amanda Spengler, 25, designer