Santa Clara do Sul

Polícia afirma que casa foi arrombada

Luís Schulde e Fernanda Hünemayer foram encontrados mortos nesse domingo

Por

Polícia afirma que casa foi arrombada
Vale do Taquari

Luís André Schulde, 38, e Fernanda Hünemayer, 33, moradores de Nova Santa Cruz, foram encontrados mortos dentro de um o automóvel Vectra, na rua Tiradentes, no centro de Venâncio Aires, na noite de domingo. O casal administrava uma granja de suínos em Santa Clara do Sul.

O corpo do homem apresentava perfurações à faca. A mulher tinha um corte no pescoço. A Polícia Civil investiga se Fernanda foi vítima de violência sexual. Ela foi encontrada trancada no porta-malas do veículo. Schulde estava morto no banco traseiro.

Dentro do automóvel do casal, foi encontrado um notebook. Segundo o delegado Juliano Stobbe, a residência foi arrombada e havia vestígios de sangue. “No local não há sinal de luta. Existe sangue, que é compatível ao ferimento à faca que provocou a morte deles.”

A casa onde Luís e Fernanda viviam e o carro passaram por perícia. Impressões digitais e outras provas foram recolhidas na manhã de ontem. Dentro de um galpão, usado como depósito, a polícia encontrou sangue e o boné de Schulde.

A investigação busca explicar alguns pontos que ainda não foram esclarecidos. Entre eles, se o homicídio ocorreu em Nova Santa Cruz ou em Venâncio Aires. Com a perícia, os primeiros indícios sugerem que os dois foram mortos na propriedade, ainda na tarde de domingo, transportados até o veículo, abandonado logo depois em Venâncio Aires

A polícia também tenta entender por que os corpos foram abandonados em outra cidade. “É um crime complicado. O que se constatou foi a subtração de um único objeto de valor, um notebook, além do carro, que foi deixado dentro do veículo.” Esse aspecto leva a investigação à hipótese de latrocínio, mas a possibilidade de homicídio não é descartada.

Ainda não há indícios que levem aos autores do crime. Familiares e amigos foram ouvidos ontem pela Polícia Civil. As vítimas não tinham antecedentes criminais, fato que intriga a comunidade.

Ainda no domingo, os corpos foram levados para necropsia no Departamento Médico Legal de Santa Cruz do Sul. O laudo deve ser liberado entre hoje e amanhã. De acordo com Stobbe, por meio do resultado, a polícia tenta verificar se durante o homicídio houve resistência por parte do casal.

Schulde era natural do interior de Venâncio Aires e Fernanda, de Cruzeiro do Sul. O casal foi sepultado ontem em Vila Terezinha, Venâncio Aires.

Perícia analisa impresões digitais no veículo onde os corpos foram encontrados

Perícia analisa impresões digitais no veículo onde os corpos foram encontrados

Crime choca comunidade

O casal não tinha inimizades. O convívio com os amigos era amistoso. Schulde era goleiro de um time de futebol em Santa Clara do Sul. O treinador da equipe, Zeca Neumann, comenta que ele era uma pessoa de bem e tinha uma energia e envolvimento com os colegas.

Schulde e Fernanda moravam há pouco tempo no local e, segundo alguns vizinhos, eram pouco participativos nas ações promovidas pela comunidade. A residência do casal é isolada da comunidade e há densa vegetação por todo lado e ao redor dos chiqueirões.

Felipe Andrea Dick, 25, vizinho da propriedade, disse que o pai dele chegou a avistar o Vectra passar duas vezes, por volta de 12h15min.

Segundo o aposentado Romeu Seibel, o crime é o primeiro incidente que acontece na localidade. Os moradores estão assustados com o fato.